Trabalho e carreira

Seis conselhos para ser bem sucedido na mudança de carreira

3 min

Nunca é tarde para mudar. E já lá vai o tempo dos empregos para a vida toda. Se sente que chegou a hora de apostar numa mudança de trabalho, leia estes seis conselhos que vão ajudá-lo a definir um novo caminho de sucesso para a sua vida profissional.

Desempenhar profissões diferentes durante o período ativo da vida é cada vez mais uma realidade para muitas pessoas. Há circunstâncias em que mudar de carreira é uma opção pessoal. Noutras, mudar de rumo profissional pode ser uma forma de colocar um ponto final num período de desemprego. Seja qual for o caso, anote estes seis conselhos para ser bem sucedido na mudança de carreira.

1. Pense nas coisas que mais gosta de fazer

Se a razão principal para avaliar a mudança de profissão está no facto de já não se sentir estimulado pelas tarefas que o seu trabalho lhe exige, é tempo de ponderar. Analise os seus interesses, aquilo que faz melhor e em que tipo de empresa ou organização terá mais hipóteses de ter sucesso profissional. Tome uma decisão apenas com estes fatores em mente.

2. Invista na formação e na aquisição de novas competências

Depois de refletir sobre o que mais gosta de fazer, avalie de forma realista as suas competências. Se gosta muito de computadores, mas não tem conhecimentos profundos de informática, pense em realizar formação nesta área de forma a atualizar os seus conhecimentos e adquir outros. Em determinadas áreas, para lá da experiência profissional, é muito importante ter conhecimentos técnicos que reflitam o estado da arte da sua nova profissão.

Aproveite para saber aqui como funciona o cheque de formação digital.

3. Atualize o seu currículo

Olhe para o seu currículo pensando na carreira que deseja ter. Se já não o atualizava há algum tempo, adapte-o ao empreego que procura atualmente: pense nas competências que já possui e como pode vir a usá-las no seu novo trabalho. Acrescente, também, qualquer formação extra que tenha realizado entretanto. Se ainda não aderiu à rede social Linkedin, é importante que o faça. A sua presença nesta rede social coloca o seu currículo à disposição de mais pessoas, e é um dos métodos de procura de talentos a que as empresas mais recorrem atualmente.

Leia mais  Conhece os empréstimos para estudantes?

4. Reúna informação sobre a sua nova carreira

Estar motivado para mudar é importante, mas não é suficiente. Tente reunir o máximo de informação sobre a carreira que pretende iniciar. Questione profissionais reconhecidos sobre as tarefas a desempenhar, quais as características que os empregadores procuram e como funciona o mercado de trabalho no setor.

5. Faça contactos

Falar com pessoas na área da sua nova carreira é importante para recolher informação, mas também para realizar contactos no setor e dar a conhecer o seu interesse pela área a possíveis futuros empregadores. Fale com os seus amigos e familiares acerca dos seus planos de reconversão profissional e amplie a sua possibilidade de tomar conhecimento de vagas disponíveis na área que procura.

6. Aceite que pode ter que começar do zero

A decisão de mudar de carreira não deve ser tomada de ânimo leve. Seja qual for a profissão que esteja a pensar iniciar, o importante é ser flexível. Mesmo que na sua carreira anterior tenha desempenhado funções mais complexas ou de direcção, é normal que, ao começar de novo, tenha de o fazer num lugar que corresponda a funções mais operacionais.