Poupar

Quer poupar até 80% nos manuais escolares?

2 min
poupar nos manuais escolares

Está a terminar o ano escolar e, como acontece todos os anos, o destino dos livros escolares passa por ficarem a ganhar pó nas prateleiras até que chegue a altura de voltar a gastar um balúrdio com os manuais do próximo ano. É assim que acontece em grande parte das casas portuguesas, mas a verdade é que existem alternativas. Uma delas é Book in Loop, uma plataforma online de reutilização de livros escolares, que permite aos utilizadores pouparem muito dinheiro na compra dos livros e ainda ganharem algum na venda dos manuais usados. O que lhe parece?

A Book in Loop nasceu com um objetivo muito simples: juntar quem tem em casa manuais escolares que já não vai usar com quem vai precisar deles. Aquilo que a plataforma faz é o seguinte: compra manuais escolares em segunda mão e vende-os para serem reutilizados. Qual é a vantagem para quem compra? Poupar muito dinheiro.

Ao comprar manuais usados pode poupar  até 60% do Preço de Venda ao Público (PVP). E se vender os manuais antigos, pode receber até 20% do preço original do livro. Isto significa que, ao fazer o ‘loop’ completo de compra e venda, uma família pode poupar até 80% nos manuais escolares.

O processo é muito simples. Só tem de entrar na plataforma ou fazer o download da aplicação, inscrever-se e entrar neste movimento, selecionando pelo menos um de três passos: partilhar, vender os manuais de que não precisa e comprar os livros escolares para o próximo ano.  

Tenha em conta que existem regras, critérios de qualidade e datas, quer para vender, quer para comprar. Informe-se aqui

A Book in Loop espera que cerca de 70 mil famílias portuguesas possam poupar mais de três milhões de euros, já no próximo ano letivo.

Leia mais  Vai de férias? Saiba como alugar uma autocaravana

A campanha de 2017 de compra e venda de manuais escolares da Book in Loop já arrancou. Dê vida aos livros usados. Desta forma, vai ajudar outras famílias, poupar dinheiro e ainda preservar o planeta. Lembre-se que reutilizar é ainda mais ecológico do que reciclar.

O que achou?