Trabalho e carreira

Estágios na União Europeia

4 min
Estágios na União Europeia

Para quem quer trabalhar na União Europeia, fazer um estágio numa das Instituições, Organismos e Agências da UE pode ser uma boa oportunidade. Se está a pensar concorrer, este artigo é para si.

Seja pela experiência internacional, pelo desenvolvimento de competências pessoais e profissionais ou pela colaboração com os próprios profissionais, estagiar na União Europeia é uma oportunidade única, em vários sentidos.

Se, por um lado, um estágio nestes moldes oferece ao candidato a aquisição de experiência profissional, o contacto direto com a realidade internacional e a possibilidade de cooperação com a UE no futuro, por outro, também para as instituições e organismos da EU acaba por ser vantajoso, uma vez que beneficiam do trabalho de jovens licenciados com conhecimentos atuais e inovadores.

Além do mais, para os candidatos, é uma ótima via para perceberem, em primeira mão, como funcionam estas instituições e organismos, para promoverem e compreenderem as políticas da UE, aplicarem os conhecimentos adquiridos ao longo do percurso escolar, perceberem a importância da cidadania europeia e poderem trabalhar num ambiente multicultural, multilingue e multiétnico.

Qualquer pessoa pode estagiar na União Europeia?

Qualquer cidadão pode concorrer a um estágio na União Europeia, desde que:

  • Tenha mais de 18 anos;
  • Seja nacional de um Estado-Membro da União Europeia, de um país candidato à adesão ou do Espaço Económico Europeu (EEE);
  • Domine, pelo menos, uma das línguas comunitárias ao nível B2 (EN ou FR);
  • Seja licenciado;
  • Não tenha uma área de conhecimento específica.

Quais as instituições, organismos ou agências a que se pode candidatar?

Desde a Comissão Europeia ao Tribunal de Contas e ao próprio Parlamento Europeu, são várias as instituições, agências e organismos europeus que promovem programas de estágio. Além das mencionadas, é possível estagiar na Agência da União Europeia para a Ciber Segurança, no Instituto Europeu para a igualdade de Género, no Banco Central Europeu, na Agência Europeia de Medicamentos, no Observatório Europeu da Droga e da Toxicodependência, no Conselho da Europa, no Tribunal de Justiça da União Europeia, no Comité das Regiões, no Comité Económico e Social Europeu, na Autoridade Europeia para a Proteção de Dados, entre muitos outros.

A maioria abre vagas anualmente e, seja qual for a sua área de estudos ou experiência profissional, são muitas as opções que pode escolher, de acordo com os seus objetivos.

No entanto, há regras específicas para estágios em Instituições Europeias e outras, menos complexas, para Organismos e Agências da EU.

Regras para se candidatar a um programa numa Instituição Europeia

  • As candidaturas abrem duas vezes por ano;
  • Os estágios dividem-se em dois períodos anuais, com uma duração de 5 meses, nos meses de fevereiro/março e setembro/outubro;
  • A remuneração varia entre 1100 e 1200 euros;
  • Vai ser acompanhado por um orientador de estágio para o ajudar nas tarefas diárias e na realização do relatório final;
  • Tem direito a um subsídio para a viagem de ida e volta;
  • O horário do estágio é igual ao dos funcionários da instituição (7 ou 8 horas diárias);
  • Em caso de doença, pode apresentar atestado médico;
  • Os estágios decorrem em Bruxelas ou no Luxemburgo.
Leia mais  Ordenado: quanto vou ganhar ao final do mês?

Numa primeira fase, é feita uma avaliação curricular. Caso seja selecionado, será inserido na lista “Blue Book”. Depois, pode ou não ser contactado para dar uma entrevista por telefone ou por videochamada.

Regras para estagiar noutro Organismo ou Agência Europeia

  • As candidaturas só abrem quando precisam do estagiário;
  • Os programas duram entre 3 meses e um ano;
  • Os estágios são remunerados, à exceção dos que decorrem na Agência EUROJUST;
  • Realizam-se na cidade onde a Agência está sediada.

Para saber quais as instituições aderentes, a que programas de estágio pode concorrer e quais as datas de candidatura, aceda à página EU careers e encontre todas as informações que procura. Pode também consultar aqui as vagas disponíveis atualmente.

Em que países decorrem os estágios da União Europeia?

Os estágios decorrem em cidades de vários países europeus, nomeadamente Lisboa, Praga, Bruxelas, Estrasburgo, entre outras. Tudo vai depender da instituição que escolher para realizar o estágio.

Qual a duração dos estágios?

A oferta de estágios na União Europeia é vasta e a duração de cada um depende de diversos fatores, como a instituição onde decorre ou o tipo de programa. Geralmente, têm uma duração média de 3 a 6 meses, sendo que é possível optar por programas mais curtos ou mais longos.

Qual o valor da bolsa de estágio?

Os estágios na União Europeia são remunerados, contudo, o valor da bolsa varia consoante a organização, o país onde se realiza e o programa escolhido.

Por exemplo, duas vezes por ano, a Comissão Europeia lança o programa Blue Book com estágios remunerados de cinco meses nas áreas de Administração e Tradução. Em 2023, o salário oferecido para estes estágios é de 1350 euros. Mas irá encontrar outros estágios com uma remuneração superior.

Pode participar em mais do que um estágio?

Só é permitida uma participação. Ou seja, se já fez um estágio ou teve um trabalho, remunerado ou não, por mais de seis semanas, numa instituição, organismo ou agência da União Europeia, incluindo escritórios locais e descentralizados, não é possível participar noutro programa.

Por fim, sugerimos a leitura deste artigo, para saber como concorrer a um emprego no Estado.

O que achou deste artigo?