Trabalho e carreira

Vai lançar uma empresa? Há cinco erros que não pode cometer

2 min

Podem surgir como uma alternativa ao desemprego ou resultarem de um desejo pessoal que sempre existiu. Independentemente do motivo, todos os novos negócios querem o mesmo: atingir o sucesso. Para que isso aconteça, precisam de planos, de estratégia, de dinheiro e de mercado. Mas, sobretudo, de equipas. Que se mantenham focadas. Seja qual for o objetivo, o caminho para o sucesso tem obstáculos e há cinco erros que os empreendedores não podem cometer.

1. Evite dispersar-se. É fundamental que mantenha o foco

Mantenha-se fiel aos seus objetivos, àquilo que é o seu produto, o seu mercado e a sua estratégia. É isto que é essencial. Por isso, ignore a tentação de fazer tudo o que lhe passa pela cabeça – importante é manter-se focado no que é mais importante. Por isso, dedique o tempo que tem disponível aos seus objetivos principais. Se achar que o termo “multitasking” é um bom aliado, facilmente percebe que demora mais tempo a concluir aquilo a que se propõem e que os níveis de stress aumentam.

2. Não descure o tempo. A produtividade da sua equipa está ligada à gestão

O tempo deve ser usado com sabedoria – é este o truque para se ser produtivo. Quando lançar uma empresa, procure utilizar o tempo que tem disponível no alcance das tarefas que tem em mãos. É importante trabalhar para alcançar os objetivos, mas também deve estar preparado para o inesperado. Crie rotinas, calendários e mantenha-se disciplinado. Se não conseguir fazer uma boa gestão do seu tempo, dificilmente cumpre prazos.

3. Não ignore a concorrência. Saiba tudo sobre o mercado

O empreendedor deve conhecer o mercado em que atua na perfeição, para poder adiantar-se, inovar ou lucrar com as desvantagens dos concorrentes. Saber como se posicionar e como tirar partido das características que diferenciam o seu negócio, pode ser uma das melhores armas para a liderança do setor.

4. Aposte sempre na inovação. É importante surpreender

As pessoas gostam da descoberta e da novidade. É importante que não descure a capacidade de surpreender os seus clientes, consumidores ou parceiros ao longo do tempo. Com novos serviços, produtos ou reformulação dos mesmos. Se não o fizer, depressa pode surgir um concorrente que vai fazê-lo por si. O enfoque na satisfação do cliente também passa por supreendê-lo.  

5. Uma boa equipa reflete uma boa liderança. E isso refelete-se nos resultados

As competências técnicas são precisas, mas não descure o investimento nas competências pessoais. É importante que saiba motivar a sua equipa (e manter-se motivado) quando o cansaço acusa ou quando a empresa está a passar por uma fase de abrandamento. Crie uma filosofia de trabalho e uma cultura empresarial que permita que os colaboradores se exprimam e possam sentir-se à vontade com o seu líder. Para que possam discutir problemas e encontrar soluções.